quarta-feira, 11 de março de 2015

ALTANEIRA/CE - UM ANO COM O ÚNICO CAIXA ELETRÔNICO DO BANCO DO BRASIL QUEBRADO

Há exatos um ano no dia(12/03/2014) - este mesmo blog veiculava uma matéria denunciando que o único terminal de autoatendimento do Banco do Brasil na cidade havia sido danificado por vândalos. Um serviço essencial aos funcionários do muncipio e à população. As providencias são de responsabilidade da Agencia/gerente do BB de Santana do Cariri. O serviço funcionava dentro da prefeitura, pois o banco fez melhorias numa sala e instalou os equipamentos, e após ser danificado, nem o banco retira para outro local, nem conserta para funcionar onde estava.
O que visualisamos é uma população peregrinando nas farmácias que quase sempre não tem dinheiro, nem espaço para atender as pessoas e nos Correios há também limitações de atendimento. Sabemos de aguns serviços não são realizados em Altaneira: uma fatura acima de 2 mil reias não pode ser paga, um depósito acima de 1.500 reais tambem não é feito. Mas, a coisa fica feia mesmo é nos dias de pagamento da prefeitura. Faz dó os funcionários ficarem meio dia numa fila e outros levam até dois dias em idas e vindas para sacar o dinheirinho. Sem falar no crescente número de altaneirenses que se deslocam a vizinha Nova Olinda para resolver de tudo que aqui, infelizmente não oferece aos conterraneos. Vivemos um colapso. Que contraste vive nossa populaçao.
Até os serviços oferecidos desde 1870, como o abate de animais para abastecimento não dispomos e nem podemos afirmar que procedencia tem as carnes que a população consome. Muitos serviços de primeira necessidade da população já nao é oferecido a contento como a aguá com seus cortes inesperados. Temos na cidade parte de uma rua mal feita(a Rua João Gonçalves)que inteditada, a população não pode utilizá-la e agora temos parte de outra rua bem feita(a Rua Deputado furta Leite) que a população também não poderá utilizá-la pois, acreditem, uma máquina, a mando esbagaçou o calçamento, com menos de 2 anos de feito. Isso é uma ironia do destino. Como é que a cidade terá 2 ruas lado a lado inutilizadas por ações desastrosas? Mas voltemos ao Caixa eletrônico. A ouvidoria do banco pediu poucos dias para resolver o problema e já se passou um ano e nada. Um funcionário sozinho pode muito bem mudar de banco, mas isso não irá pressionar em nada. Acho que, como todas as contas bancárias dos funcionários da prefeitura são neste banco, uma autoridade da empresa pode ajudar nesta tarefa, mas tambem até agora as pressões não surtiram os efeitos. A lista de tudo que não funciona para a população é grande. Qual a responsabilidade de todos? O que cada um individualmente, e na coletividade pode fazer? Basta estar disposto. Então o que sabemos no momento é que está muito dificil viver em nossa Altaneira. Esta bem que poderia ser a cidade dos meus sonhos. COM FOTOS CORTESIA DO BLOG DE ALTANEIRA